Templo Zulai – Para quem busca um pouco de Paz em São Paulo


Para quem leu o título e torceu o nariz pensando que eu estou enlouquecendo, tenho ótimas notícias: Primeiro SIM sou um pouquinho louca com orgulho, mas hoje em dia quem não é? Para mim pessoas normais são boring então agradeço o elogio; e segundo SIM você leu certinho!

Se você assim como eu precisa de um lugar onde possa encontrar um pouco de paz de espírito, colocar a cabeça no lugar, fugir da cidade e apenas pegar uma estrada, esse é o seu lugar ideal e está somente há 40 minutos de carro da tão bagunçada - e amada - SP.

O Templo Zulai (www.templozulai.org.br) está localizado no município de Cotia e recebe diariamente pessoas dos mais diversos estilos, credos, religiões, etc. Seja um praticante da doutrina Budista que frequenta o templo para suas aulas de meditação, retiro e participar das cerimônias, ou simplesmente uma pessoa comum como eu e você. O Templo acolhe a todos e emana sua energia para dentro de cada um sem pedir nada em troca.

As visitas ao Templo são gratuitas desde o estacionamento até a visitação, mas é claro que as doações são muito bem vindas ainda mais para manter um lugar espetacular como aquele. Eu fiquei impressionada com a conservação de tudo lá, das construções com seus detalhes

minuciosos até a limpeza do parque que o cerca, tudo é tratado com o maior cuidado.

Ao chegar ao Templo você segue para a escadaria principal e passando pelo arco a visão é de tirar o fôlego. O espaço amplo com a arquitetura oriental em formato de U, te faz pensar que você está em qualquer outro lugar, mas não em São Paulo. Sugiro que aprecie cada passo dado até chegar ao Templo principal, onde você irá encontrar os voluntários que o auxiliarão e darão a explicação de como entrar no local, como fazer a reverência e com um sorriso no rosto irão agradecer sua presença naquele lugar tão especial.

Antes de entrar no Templo você pode pegar um incenso (também sem custo), fazer a reverência ensinada pelos voluntários que parte do coração, para a cabeça onde você agradece por tudo que precisar. Ao terminar o agradecimento, uma reverência com as mãos juntas em direção ao Buda que está logo a sua frente irá finalizar aquele momento. O incenso é depositado em um incensário redondo que fica bem em frente à entrada. Passando por esse local existe uma outra guia com um sorriso tão plácido no rosto que você consegue sentir a felicidade vindo dela. Ela indica o caminho para que você possa sentar-se nos pequenos assentos próximos ao chão e fazer ali sua meditação, agradecimento, etc. A entrada é sempre realizada pelas laterais nunca pelo meio do Templo.

Então me vi ali sentada, olhando para uma imagem enorme de um Buda e sentindo um paz, uma tranquilidade que há tempos não sentia. Aquele energia boa, aquele silêncio que entra em você e faz com que você entre em um clima de puro agradecimento por estar ali, por poder absorver aquela paz e por encontrar um pouco de paz de espírito.

Eu não sou praticante do Budismo, mas aprecio as palavras, aprecio os pensamentos e acima de tudo aprecio esse acolhimento sem querer fazer em você uma lavagem cerebral. A experiência que eles proporcionam ali é única e se você estiver aberto para isso será muito especial. Ao sair do Templo você ainda pode pegar um rolinho de papel com uma frase para o seu dia, escrever suas intenções em um pedacinho de papel e pendurar em uma das pequenas arvorezinhas que estão espalhadas pelo local.

Mas não acaba por aí! O local ainda conta com um pequeno museu, refeitório, salas de meditação, local para retiro, cafeteria, banheiros, lojinha de lembranças e ainda um parque na parte de traz com lago, algumas trilhas para caminhar, etc. Simplesmente inesquecível.

Então se você está de bobeira em casa em um final de semana e que um programa original e enriquecedor esse é o seu local!

Eu com certeza jamais vou esquecer!

Até a próxima.

MM

#templozulai #passeiosemsãopaulo #budismo #viagem #dicadeviagem #passeios #dicasdepasseios #sãopaulo

Featured Posts
Recent Posts
Search By Tags
Nenhum tag.